A galinha

A lenda abaixo uma amiga escutou do seu patrão e me autorizou a colocá-la na Internet: No século dezenove, na cidade da Lapa localizada na Região Metropolitana de Curitiba, havia o monge João Maria, que fazia milagres. Naqueles mesmos ares, numa área ruralchamada Serrinha, existia um menino chamado Henrique, um órfão de pai e mãe. Por isto, ele vivia alternando a sua moradia entre os sítios de suas irmãs, que já eram casadas. Certo dia este garoto ficou muito doente e a irmã mais velha avistou o monge na estrada. Assim, ela correu até o homem e exclamou: - Por favor, salve meu irmão! O beato fez orações e o menino sarou. Desta maneira, a irmã mais nova falou: - Já que o senhorcurou Henrique, diga-nos o preço que nós pagaremos. O beato explicou: - Sou um servo de Deus e por isto não posso aceitar dinheiro. A irmãmais velha disse: - Então, por favor, aceite dois frangos de nossa granja. O monge comentou: - Sim, animais eu posso aceitar. Então, as mulheres correram atrás dos bichos. A irmã mais nova pegou um frango, rapidamente. Porém, a mais velha ficou se batendo atrás de uma galinha e ralhou como animal: - Venha cá, sua galinha do diabo! Naquele instante, o bicho ficou quietoe a moça pegou a ave. O monge aceitou o frango da irmã mais moça. Mas, quandoa mais velha foi entregar-lhe a galinha, o beato explicou: -Este animal não posso aceitar. Pois, ele já tem dono.Afinal, a senhora já deu este bicho ao diabo. Moral da história; nunca amaldiçoe nada.
Não Deixe de comentar diga o que você achou!!

Comentários

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *