Piraraquara(Lídia Borges)

Dizem que no século dezenove havia um preconceito absurdo contra os leprosos . Por isto a cidade de Curitiba , naquela época , colocava os doentes de hanseníase num local afastado , bem na distante região metropolitana . Em um certo tempo aquele local recebeu o apelido de Colônia São Roque , em homenagem ao santo que dedicou a sua vida para cuidar dos leprosos . Um certo dia , naquele local , uma menina portadora de hanseníase foi chorar em frente a um lago . Lá ela viu um peixe encantado e desabafou deste jeito : - Minha pele cai demais . Ás vezes me sinto cheia de escamas como você , peixe . Pois é como se eu não tivesse pele , apenas escamas . Então o peixe comentou : - Não fique triste , garota . - Perante aos outros animais terrestres , ás vezes me sinto discriminado como você . Afinal meu corpo é coberto de escamas . Mesmo assim eu sei que não sou nem superior e nem inferior aos outros animais , pois tenho a consciência que sou apenas diferente . - Além disto , tenho uma novidade para você : a partir de hoje , este lugar terá um nome especial . Pois ele se chamará Piraquara , que significa em tupi – guarani : a toca do peixe . Depois de escutar este comentário do animal , a menina entrou no rio para se refrescar e se transformou num lindo peixe com brilhantes escamas douradas .

Comentários

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *