A lenda da cegonha

    Há muitos anos atrás, na Antiga Grécia, havia uma ninfa que gostava muito de bebês.Ela era amiga de uma deusa que casou – se com um mortal e foi expulsa por Zeus, do Olimpo, por causa disto. O problema é que por castigo de Zeus, esta mulher não poderia engravidar, embora este fosse seu maior sonho. A ninfa soube desta história e resolveu procurar na Terra por um bebê abandonado. Esta criatura andou e caminhou bastante, mas não encontrou nada. Como estava cansada, ela decidiu nadar num rio da Grécia. Quando, de repente, ela viu uma cesta flutuando, onde se encontrava um neném. A ninfa não perdeu tempo e levou a criança até a deusa, que adotou o bebê. Zeus ao saber disto ficou furioso e como castigo transformou a ninfa em cegonha. Diz o mito que a partir daquela dia, esta cegonha passou a encontrar bebês abandonados para as mulheres que não podiam ter filhos. O tempo se passou e esta lenda chegou até a antiga Escandinávia com algumas alterações. Lá, na época em que os bebês costumavam nascer em casa, às mães diziam aos filhos que as crianças foram trazidas pela cegonha, para justificarem o aparecimento repentino de um novo membro na família. Para explicar o descanso da mãe depois do parto e o quarto sujo de sangue, as mulheres falavam aos filhos que a cegonha tinha bicado as suas pernas. Reza a lenda que quando uma cegonha faz ninho na chaminé de uma casa é sinal de que uma das mulheres ficará grávida logo.


domingo,08 de fevereiro de 2015
Márcia Batista

Comentários

  1. meu sonho e do meu namorado é transformar uma familiar traz dois bebê pra mim e pra ele

    ResponderExcluir
  2. cegonha eu e meu namorado gosta de crianças eu e ele queremos crianças

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *