Em baixo da cama





Uma família dirigia em direção a capital para passar as férias, como já estava anoitecendo, resolveram parar e descansar em um hotel barato. Eles reservam dois quartos, uma para o marido e a esposa e um para seus filhos, um menino e uma menina.

Quando chegaram ao seu quarto que ambos sentiram um mau odor. O marido chama a recepção e fala com o gerente. Ele explicou que o quarto cheirava muito mal e eles gostariam de outra suíte. O gerente pediu desculpas e disse ao homem que todos  estavam reservado devido a uma convenção , mas enviaria uma empregada até seu quarto para limpar e tentar se livrar do odor.

Após o almoço, a família voltou para seus quartos. Quando as crianças entraram no quarto, sentiram o mesmo odor. Mais uma vez, seu pai chama a recepção e disse ao gerente que o quarto ainda cheirava muito mal. O gerente disse ao homem que não havia nada que pudesse fazer.

Assim, as crianças tiveram que passar a noite no quarto. A menina e o menino segurou o nariz, tentando não respirar o fedor. Então, tiveram que dormir e pela manhã, seus pais estavam batendo na porta para acordá-los.

Quando descem na recepção viu que uns hospedes estavam procurando a origem desse mau cheiro e a família resolve ajudar. Então, começaram a procurar todo o espaço, nas toalhas, cortinas, e até o tapete. As crianças ajudaram também, verificaram as roupas de cama e colchão. Quando ele puxou o colchão da cama, o menino viu que havia um grande buraco no box. Ele olhou para baixo na base da cama e entrou cara a cara com uma visão horrível.

Lá, deitado enrolado dentro da base era o corpo de uma mulher. O menino percebeu que ele tinha dormido toda a noite apenas algumas polegadas de distância de um cadáver em decomposição.

Autor: Anônimo, 26 de novembro de 2016.

Comentários

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *